“O Brasil tem comando chama-se Presidente Jair Bolsonaro” – afirma Deputado Pr. Marco Feliciano

Não existe crise no governo, existe um velho adágio que diz “manda quem pode e obedece quem tem juízo”, a imprensa golpista e os partidos de esquerda apostam no quanto pior melhor, fomentando crises Fake, porque uma das prerrogativas do Presidente garantidos na Constituição é o de Comandante em Chefe das Forças Armadas, portanto troca qualquer comandante militar, a seu talante, e não existe atrito em militares e seus superiores, apenas obediência.


Todas as trocas ministeriais civis e militares transcorreram na normalidade sem nenhuma crítica de quem saiu, como manda o figurino institucional, mas setores ideológicos da imprensa sai a caça de ex aliados insatisfeitos crônicos desde que foram defenestrados do governo por motivos sobejamente conhecidos, para opinar sobre as substituições com o viés próprio de quem sempre jogará Caca no ventilador seja qual for a ação do governo.


A oposição ensaia uma verdadeira avalanche de ações visando desestabilizar o governo, aproveitando a pandemia, onde governos estaduais usaram verbas repassadas pelo governo Federal para colocar suas contas em dia e compras milionárias sem licitação, estão sendo investigados pela Polícia Federal, compra de respiradores caríssimos, pagos adiantado e não entregues, entre outros gastos espúrios, com isso jogando um véu sobre suas mazelas.

-A matéria continua depois da publicidade-


Finalizo pedindo a Deus serenidade a todas autoridades que representam o povo ordeiro de nosso país .Que derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais a todos.


Pastor Marco Feliciano

* Os novos comandantes das Forças Armadas: o general Paulo Sérgio Nogueira, o almirante Almir Garnier Santos, e o brigadeiro Carlos Baptista Júnior (da esq. p/ dir).| Foto: Alexandre Manfrim/Ministério da Defesa.

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.