Moro pede demissão e diz que Bolsonaro queria interferir na PF

O ex-juiz anunciou sua saída do Ministério da Justiça na manhã desta sexta-feira. O pedido de demissão aconteceu horas depois de o presidente Jair Bolsonaro exonerar o diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Leite Valeixo, que é próximo a Moro. ‘Falei ao presidente que seria uma interferência política, e ele falou que seria mesmo.’ Bolsonaro anunciou um pronunciamento às 17h e disse que irá ‘reestabelecer a verdade’.

Governadores e parlamentares se pronunciaram sobre a a saída de Sergio Moro do Ministério da Justiça. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso pediu que Bolsonaro renuncie. Ao anunciar sua demissão, o ex-juiz afirmou que Bolsonaro queria ‘interferir politicamente’ na Polícia Federal.

-A matéria continua depois da publicidade-

A repercussão da saída de Moro entre os políticos:

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.