Novacidade.com News - Orlândia - Notícias - Fotos
FTTh Telecom
Franca

Tia é presa por esfaquear sobrinho de 1 ano e oito meses em Franca

Compartilhar

 

 
Continua internado na Santa Casa de Franca o menino de 1 ano e 8 meses que levou pelo menos seis facadas da tia, na última quarta-feira, 20, no Jardim Paulistano, em Franca-SP.
 
 
Em boletim médico enviado na manhã de hoje, 21, a assessoria de comunicação do hospital informou que a criança está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e seu quadro é estável. Ainda não há previsão de alta.
 
 
O menino deu entrada na Santa Casa depois de ser socorrido com pelo menos seis perfurações feitas com uma faca. A responsável foi a desempregada Franciele Funchal, de 20 anos. Sob o argumento de que ‘estava nervosa e tinha um assunto pessoal’ com a irmã, que é mãe do menino, ela foi até o quarto onde a vítima estava. Segundo a acusada, o menino estava chorando e, por isso, ela colocou uma sacola de plástico em sua boca e passou a golpeá-lo.
 
 
Ainda de acordo com sua versão, ao perceber o que fez e ter se arrependido, ela largou o menino no quarto e correu até a rua para pedir ajuda aos vizinhos, que acionaram o Samu. Pouco depois, Franciele foi presa por tentativa de homicídio.
 
 
 
‘Coloquei a sacola e dei as facadas’

 
Horas depois de tentar matar o sobrinho, a desempregada Franciele Funchal foi levada para a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) e, lá, confessou o crime. Alegou estar “nervosa com o choro da criança” e, por isso, desferiu vários golpes. Sequer soube precisar quantos foram. 
 
 
Ao delegado Helder Rodrigues e ao investigador Luciano Tavares, do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), a mulher alegou que colocou uma sacola de plástico na boca do sobrinho para que ele não fizesse barulho e cometeu o crime. 
 
 
“Eu estava muito nervosa. A faca estava em cima da pia. Peguei ela e a sacolinha em cima da mesa. Coloquei na boca dele e comecei a dar as facadas”, disse a tia. 
 
 
 

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: