NotíciasRibeirão Preto

Vinícola Biagi proporciona experiências junto à natureza no caminho das águas

Inaugurada em fevereiro, a Vinícola Biagi, localizada na Fazenda Cravinhos (distante 20 km de Ribeirão Preto), proporciona – além de almoço, passeio aos vinhedos, harmonizações com vinhos – várias experiências junto à natureza. Uma delas é o caminho das águas, que possibilita o contato com esse bem preciosíssimo, talvez um dos mais importantes para a vida na terra.

Nele, é possível contemplar a água que brota do solo nas nascentes, que são protegidas, com uso consciente das águas para a sua preservação. Toda a água utilizada na Fazenda Cravinhos é proveniente de nascentes e distribuída pela propriedade pela força da gravidade, sem o uso de bombas elétricas. Como este espaço está muito próximo das nascentes, não era possível o bombeamento da água por gravidade. A roda d’agua, que também faz parte desse caminho, foi uma excelente opção ecologicamente sustentável e adequada para resolver essa questão.

A roda d’agua é uma tecnologia originada na Grécia Antiga e que acabou difundida por todo o mundo. É basicamente uma roda de madeira ou metal que gera energia aproveitando a força da água. Foi, provavelmente, o primeiro método de geração de energia mecânica desenvolvido para substituir o trabalho de humanos e animais. “A nossa roda d’água gera um som agradável, perfeito para quem deseja sentar um pouco, ouvir e contemplar a natureza”, explica Anísio Rodrigues, gerente da Vinícola.

Vista aérea da osteria da Vinícola
Thiago Buosi

Já as matas ao entorno das águas (matas ciliares ou florestas ribeirinhas) são caracterizadas por recobrirem as margens de rios e outros corpos d’água e são essenciais para um meio ambiente saudável e equilibrado. Realizam a importante função de corredores ecológicos para a fauna, permitindo que os animais silvestres se desloquem em busca de alimento e abrigo. Nesse tipo de vegetação é possível encontrar espécies adaptadas a terrenos úmidos e brejosos, como guanandi (Calophyllum brasiliense), pinha-do-brejo (Magnolia ovata), sangra-d’água (Croton urucurana) e peito-de-pomba (Tapirira guianensis).


- Publicidade -


Sustentabilidade – Todo o projeto da Vinícola foi construído pensando na sustentabilidade, buscando aproveitar, sempre que possível, materiais da própria fazenda. Todas as cerquinhas no entorno dos caminhos, foram feitas de madeira reaproveitada de antigas cercas, os tijolos são de demolição, algumas peças do mobiliário foram feitas com madeira cultivada na fazenda ou de árvores que caíram de forma natural.

O sistema de irrigação utilizado é por gotejamento, o que permite utilizar a menor quantidade de água possível, de forma muito eficiente, sem desperdício, lançando as gotas diretamente no pé das plantas e só na quantidade necessária. É também o sistema que consome a menor quantidade de energia elétrica. Toda a energia consumida, é gerada dentro da própria Fazenda Cravinhos, através de painéis solares em uma pequena usina solar. “Nosso objetivo com tudo isso é sermos ecologicamente o mais sustentáveis possível, buscando sempre produzir e preservar, gerando emprego e renda”, afirma Anísio.

Matas ciliares são essenciais para um meio ambiente saudável e equilibrado
Douglas Intrabartolo

Serviço Vinícola Biagi:

Localização: Fazenda Cravinhos, na Rod. Angelo Cavalheiro, km 1,3 – saída de Cravinhos para Serrana. Ao chegar na entrada da fazenda, seguir as placas sentido OSTERIA.

Horário de funcionamento: Aos sábados e domingos, das 9h30 às 15h, mediante agendamento.

Agendamento de visitas: 16 98843-4976 – WhatsApp (Paulo) ou 16 3951-2220 – escritório ou ainda pelo e-mail: osteria@vinicolabiagi.com.br

Instagram: @vinicolabiagi

Opções de visita:

Almoço em três tempos (entrada, prato principal e sobremesa)

Tour guiado seguido de degustação harmonizada de vinhos (sem almoço)

Completo – almoço em três tempos, com degustação de vinhos e tour guiado

Também aberto para eventos corporativos e sociais

Comentários