Em Sales Oliveira | Mais notícias

Banco do Povo de Sales Oliveira inicia cadastro para microcrédito

Banco do Povo de Sales Oliveira inicia cadastro para microcrédito
Novacidade.com | 13/02/2017 - 21:33:28

A agência do Banco do Povo de Sales Oliveira está cadastrando interessados em obter financiamentos para alavancar seus empreendimentos. Voltado para microempresários e microempreendedores individuais, o banco trabalha com microcrédito com valores de R$ 200 a R$ 25 mil.

O prefeito Dr. Edmar Gomiero quer melhorar o atendimento aos empreendedores salenses. “São pessoas que geram emprego, renda e fazem nossa cidade crescer”, afirma. Segundo ele, há diversos projetos voltados ao desenvolvimento econômico sendo estudados. Neste primeiro momento, o Banco do Povo será a prioridade da Administração.

Por conta da troca de prefeitos em várias cidades, o Banco do Povo do Estado informou que deverá promover treinamento e capacitação dos novos gestores, que assumiram no início do ano. A realização de novos contratos está prevista para iniciar em março, quando questões burocráticas serão solucionadas.

Para facilitar a vida dos empreendedores, a Prefeitura está divulgando uma cartilha com informações sobre o Banco do Povo: como obter o crédito, documentos necessários, quem pode (ou não) ter acesso ao financiamento etc.

“Além disso, vamos cadastrar todos os interessados para dar início ao processo quando houver liberação por parte do banco”, diz o gestor da agência salense Frederico Bavaresco Neto. Segundo ele, tem havido procura, mas é preciso aguardar. “A informação é que ainda em março poderemos iniciar os processos para acesso ao microcrédito”, confirma.

Os interessados em obter financiamento pelo Banco do Povo podem começar a reunir os documentos necessários (lista abaixo, com apresentação de original e duas cópias) e procurar a agência na Prefeitura (9h às 11h e 13h às 14h) ou obter informações pelo fone (16) 3852-0200.

Crédito e documentos
As linhas de crédito do Banco do Povo são de R$ 200 a R$ R$ 5.000 para pessoas físicas, de R$ 200 a R$ 20 mil para pessoas jurídicas, e de R$ 200 a R$ 25mil para associações e cooperativas produtivas ou de trabalho.

Para ter acesso ao financiamento, o interessado precisa desenvolver atividade produtiva nos municípios contemplados pelo banco, residir ou possuir um empreendimento há mais de dos anos (se pessoa física), não ter restrições cadastrais no SCPC, SERASA e CADIN Estadual e ter faturamento bruto de até R$ 360 mil nos últimos 12 meses. Exige-se fiador e alienação fiduciária para veículos rodoviários, ciclomotores, motocicletas, carretas, carrocerias e trailers.

Escola do Empreendedor
O Governo do Estado criou a Escola do Empreendedor, uma série de dez minicursos voltados a quem pretende abrir ou já o próprio negócio. Além disso, o programa traz orientações para todos os ramos da econômica, como atividades rurais, industriais, comerciais e de serviços.

Os minicursos são: Empreendedorismo na Prática, Atendimento ao Cliente, Consumidor e Fornecedor, Ações de Marketing, Formalização, Formação de Preços, Vendas e Ganhos, Gestão Financeira, Higienização e Segurança, e Sustentabilidade e Comunidade. O curso também é oferecido em apostilas, que podem ser obtidas no Banco do Povo. Os certificados são emitidos desde que realizado pela internet (www.escoladoempreendedor.sp.gov.br).








    Lucilá Calçados Orlândia