TJD exclui Paulista | Mais notícias

Batatais fará a final da Copinha contra o Corinthians

Batatais fará a final da Copinha contra o Corinthians
Novacidade.com | 24/01/2017 - 10:42:15

A Federação Paulista de Futebol comunicou na tarde desta segunda-feira a exclusão do Paulista da Copa São Paulo de Futebol Júnior, por conta da inscrição irregular do zagueiro Brendon, que teria 22 anos, e não 19 como consta em seu documento e é a idade limite para a disputa do torneio de base. Com isso, o Batatais - que havia sido eliminado na semifinal pelo time de Jundiaí - fará a final contra o Corinthians, nesta quarta, às 16h, no Pacaembu.

Segundo publicou o site da ESPN no último domingo, Brendon Matheus Lima dos Santos é o nome de um preso no Rio de Janeiro, enquanto o nome real do zagueiro é Heltton Matheus Cardoso Rodrigues. Após analisar o caso, a FPF informou a decisão nesta segunda.

- Pedi os documentos para comparar com a identidade que ele apresentou nos jogos. E pedimos as digitais do Brendon, que está preso. E pedimos que o Paulista apresentasse o jogador até às 14h. E não ele foi apresentado, foi apresentado um B.O. de que ele estava desaparecido. O regulamento é muito claro. Vamos dar prosseguimento às investigações para vermos se não tem nenhum dirigente envolvido. Ele acabou prejudicando os 25 jogadores do Paulista que não disputarão a final - discursou o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de São Paulo, Antônio Olim.

- O jogo desta quarta-feira será entre Corinthians e Batatais. O Paulista está excluído da competição. Por votação unânime, nós acolhemos a decisão baseada no artigo 25. Eliminamos o Paulista e classificamos no seu lugar para disputar a final o Batatais. Eu assino, presidente do TJD-SP, e digo que vamos encaminhar o processo para uma delegacia de polícia para seja punido criminalmente - acrescentou.

Após o discurso para informar a eliminação do Paulista, Antônio Olim respondeu a perguntas dos jornalistas e lamentou o fato. O presidente do TJD-SP chamou o atleta de "criminoso" e absolveu o o clube de Jundiaí.

- Todos os documentos são frios, montados. O Paulista agiu de boa fé. Não é hora de punir mais o Paulista. A maior punição do clube é ele não poder enfrentar o Corinthians. Não vou chamar este de jogador de atleta. É um criminoso - disse.

De acordo com Antônio Olim, o Batatais recebeu uma denúncia vindo de São Gonçalo, no Rio de Janeiro, e a encaminhou para a FPF na noite de sexta-feira. Desde então, o departamento jurídico da entidade trabalhou para apurar o caso e decidiu pela exclusão do Paulista da final.

- Não fomos negligentes. Soubemos do caso no sábado. Apuramos desde então. Não temos perícia aqui para verificar na hora a validade de documento. O cartório do Rio de Janeiro não tem a folha do registro. Isso mostra que o documento (do jogador) é falso - afirmou Olim.

CONFIRA ABAIXO A NOTA OFICIAL DA FPF SOBRE O CASO:

O Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo vem a público informar que recebeu, na madrugada de sexta para sábado, denúncia referente a uma suposta irregularidade no registro do atleta Brendon, do Paulista Futebol Clube Ltda. No mesmo dia, abriu-se uma apuração interna para averiguar o caso. Na mesma data, o Paulista foi notificado.

As apurações se estenderam ao longo do final de semana, em conjunto com autoridades policiais e o Ministério Público.

O Comitê Disciplinar, designado pelo Tribunal de Justiça Desportiva para a Copa São Paulo Júnior 2017, se reuniu nesta segunda-feira para analisar as denúncias apresentadas no último final de semana.

Os representantes do Paulista foram chamados para comparecer ao Tribunal de Justiça Desportiva nesta segunda e foram ouvidos sobre as denúncias e notícias veiculadas.

Após a investigação, as autoridades concluíram que o atleta efetivamente utilizou documentos falsos para registro na competição.

Assim, respeitando o Regulamento da Copa São Paulo Júnior 2017 e o Regulamento Geral de Competições da FPF, a Justiça Desportiva decidiu que o Paulista Futebol Clube Ltda está eliminado da competição, sendo substituído na final por seu adversário, o Batatais Futebol Clube.
Definiu-se ainda que, em razão da ausência de dolo por parte do Paulista, não será aplicada a pena facultativa complementar de exclusão das próximas edições da Copa São Paulo.









    Lucilá Calçados Orlândia